Pular para o conteúdo principal

Olhos Cegos




Ando por aí querendo encontrar em alguma esquina, em algum lugar aquele olhar.
O olhar que não mede palavras, não julga, não traz tristeza. 
O olhar do amor vivo, que traz esperança, conforto, carinho. 
Porque será? Porque será que para todos os olhos que vejo, eles estão fechados?
Olhos fechados e olhares medrosos. 
Porque será? Porque será que ninguém mais encara a vida?
O mundo, o mundo grande visão de tudo está cego. 

Por, Rayanne Nayara.


Comentários

  1. a pessoas que mora na cidade grande sofre de pantofobia tem medo de tudo que ver. não enxerga a beleza da natureza, não tem a beleza no olhar. a poesia no olhar. a pantofobia tirou tudo isso de bom que as pessoas tinham

    ResponderExcluir
  2. Liberal, eu nunca havia escutado o termo "pantofobia" irei pesquisar a respeito, mas é exatamente isso o que você disse. "Olhos cegos" transmite essa ideia! Obrigada por ler e comentar. Abraços!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comenta! Adicione um pouco de açúcar nessa xícara!

MAIS LIDAS

Sobre fanfics 'oneshot' .

Comecei a ler fanfiction aos meus treze anos de idade, na época em que ainda existia no orkut (céus, como você é velha) aquelas comunidades de "Web Novelas". Iniciei as leituras virtuais com as tais web novelas, que na minha opinião atual eram um pé no saco, pois a plataforma do orkut não permitia uma postagem em página única. As autoras postavam os capítulos através de comentários nos fóruns. Logo, ocorria uma mistura infinita de capítulos da história com comentários de leitoras. Tudo dentro de um mesmo fórum.  Enfim... Quem viveu saberá do que estamos falando aqui, e tchananãn.

Criaram por fim, as fanfictions (ficções de fã) que eram postadas em sites de hospedagem de página HTML, como por exemplo, o vilabol e geocities (R.I.P).  Foi um achado, gente!  Porque você escrevia sua história toda, criptografava em HTML, e a história ficava no padrão atual de postagem. Ah! E havia a possibilidade de ser interativa, o que na época era um babado! Assim que encerraram a disponibili…