05 dezembro, 2012

Ventos e Dúvidas.






Um momento com as nuvens, a brisa e a areia molhada a tocar o corpo todos podemos ter e é renovador. Um momento com o amor da sua vida é o grande mistério ao qual devemos perseguir. Você pode amar tantas pessoas em tantas noites, mas você não pode escolher justamente a quem você quer amar todas as noites da sua vida. 
Eu penso, repenso e busco consolar uma alma tristonha que jogou pela janela muitos ventos. 
Ventos mudos e calados incapazes de sossegar as dúvidas constantes a cerca de quem os trouxera. Era alguém importante? Era algum visitante através de anos? Seria um complemento viajante por entre os séculos? 
Um momento com a dúvida, tão constante e intrigueira. Tão amiga e companheira. Tão falante e silenciosa. 
Tão dolorida e confortável. Tão minha. Tão íntima. Tão surda. Inexplicável. Extensamente irreplicável.


Rayanne Nayara.