16 julho, 2012

Corações Solitários



O meu coração se encontrava maltratado.
Acostumado com a solidão.
Você surgiu, me fazendo acreditar que ficaria ao meu lado.
Tudo renasceu depois que você chegou.
Você me faz cantar, dançar e sorrir.
O meu coração curou-se. 
Tirei todos os curativos de um órgão tão destruído.
Eu acredito na solidão a dois. 
Eu busco os lábios acesos de um solitário. 
E esse diamante embeleza-me com luz.
Porque como seria a minha vida sem você? Sei lá.
Já não imagino-me sem os abraços de nosso conforto.
Já não há imagens separadas de nossos corações solitários.


Por, Rayanne Nayara.