31 março, 2012

Independência



Todo mundo diz que enfim conseguimos independência.
Mas só há curiosidade em seguir as regras ditadas sem coerência.
Ninguém gosta de perguntar, apenas gostam de se explicar sem ter razão para isso.
Acatando ordens de crianças mal crescidas que procuram mandar desorganizando aquilo que não tem nada resolvido.
Estão todos desconformados, escondidos na conformação de aceitar.
Julgar, sem se julgar.
E procurar motivos para mostrar a verdade unidos.
Não existe independência.
Não existe democracia.
O sistema não está ao favor de nossos ideais.
Na verdade nem temos mais ideais. Nossos pais conquistaram todos.
Deveríamos aperfeiçoá-los, mas não queremos lutar.
Brigar cansa demais.
Gritar pode incomodar.
Incomodar pode custar a vida.
Foi o que nos ensinaram.
Mas que se exploda o mundo desses otários.
A independência que eu quero é desses jovens bossais!