05 janeiro, 2012

Suas Reações.


Você é incrível. Toda a sua sinceridade e timidez. Esse jeito de puxar a barra da manga de sua camisa, retorcendo as mãos uma nas outras quando quer dizer algo e não consegue. Como faz agora. Tentando falar-me.
E esse seu sorriso torto? O qual eu nunca sei se é torto porque não quer sorrir ou não sabe como o fazer. 
O olhar caído se condenando fracassado antes de terminar a última sílaba.
E o medo de me encarar nos olhos. 
Você é inacreditável. Surreal demais para mim. Suas reações me encantam.
Se para você eu sou uma heroína, para mim eu sou insignificante à sua presença.
Sensível e rígido te vejo agora. Um pouco vulnerável, mas pronto o bastante para se defender de alguma grosseria que possa vir, após essa sua revelação.
Te pego as mãos e digo que...
Eu jamais imaginaria que um dia estaríamos você e eu, sentados nesse banco, nesse lugar. Juntos e apaixonados.
E ouso-me dizer : "_ Acho que já ganhei o pleito para sua candidata a namorada." 
E ainda ouço cintilar de seus lábios a frase : " Sempre foi e será a única."
Assim, em um toque de brisa calma, nossos lábios se tocam em um romântico beijo, condenando-nos um ao outro para sempre.